Loading...
4 dicas para descomplicar a alimentação saudável
28ago

4 dicas para descomplicar a alimentação saudável

De alguns anos para cá, ao mesmo tempo que a alimentação saudável teve seu valor reconhecido na busca pela longevidade, ela ganhou fama de ser cara, sem gosto, difícil de ser preparada e quase inalcançável. Mas com certeza ao final deste texto nós iremos te provar que é possível descomplicar a alimentação saudável, não gastar muito, comer uma comida saudável, muito saborosa e sem agredir o meio ambiente. Aqui vão algumas dicas que podem facilitar o primeiro passo para uma vida mais saudável, e mostrar que pequenas mudanças podem fazer muita diferença.

Alimentação saudável não é cara

Pesquise se existem lugares mais em conta para você fazer suas compras e sempre compare preços. Comece conhecendo o seu bairro e as redondezas da sua casa e trabalho. Muitas pessoas passam todos dias perto de feiras, mercados municipais e não fazem ideia do que estão perdendo por alguns passos de distância. Estes tipos de estabelecimentos costumam ter preços melhores, maior variedade de produtos e alimentos mais frescos. Outra dica é comprar os alimentos que estão em época, pois aqueles fora de época tendem a ter preços mais elevados, além de serem menos frescos, fazendo com que algumas partes não consigam ser aproveitados para o consumo e acabam sendo jogadas fora. No link a seguir você encontra um calendário que indica qual é a melhor época do ano para comprar cada alimento: http://www.ceagesp.gov.br/wpcontent/uploads/2015/05/produtos_epoca.pdf

Descasque mais e desembale menos

Quando estiver em sua casa observe quantos dos alimentos que você costuma consumir vêm embalados e quantos vêm da natureza. Se encontrar mais embalagens nas prateleiras do que frutas em sua fruteira é necessário repensar algumas coisas. Além de sua saúde, é preciso pensar que tudo aquilo que não aproveitamos no preparo das refeições vira lixo. A diferença é que o lixo dos alimentos naturais é orgânico e é consumido facilmente pela terra virando nutrientes. Já o lixo de alimentos industrializados são latas, plásticos e papéis, e alguns destes podem levar anos para serem absorvidos pelo ambiente. Quando for aos mercados ou feiras sempre priorize os alimentos naturais, estes enriquecem a receita e evitam que você use alimentos industrializados.

Mãos à horta

Uma excelente forma de descomplicar sua vida saudável, além de cuidar do seu bolso e do seu tempo é a horta caseira. Ela favorece muito a inclusão de alimentos in natura em sua alimentação, uma vez que estão plantados em sua casa. Para isso você só precisa do espirito DIY – do it yourself (faça você mesmo), um espaço na sombra, um pouco de terra com adubo e as mudas. Vários lugares disponibilizam gratuitamente mudas de plantas. Aqui estão alguns exemplos de onde encontra-las: prefeitura da cidade de São Paulo, Centro de Educação Ambiental Rio Sorocaba em Sorocaba, Instituto Ambiental do Paraná. Muitos outros lugares fazem este serviço. Para mais informações entre em contato com a Secretária de Verde e Meio Ambiente de seu município ou a subprefeitura de sua região. Plantar estas ervas vai deixar sua casa mais bonita, perfumada, contribuir para o meio ambiente e vai fazer dos seus pratos um verdadeiro sucesso. Você pode fazer um jardim suspenso plantando as mudas em canos de PVC pendurados em alguma parede de sua casa ou usar pequenos vasos que vão alegrar e perfumar o ambiente.

Comida saudável pode ser muito saborosa

O que torna a comida saborosa é nada mais, nada menos que um bom tempero. A comida saudável também pode ser bem temperada, ter um cheiro maravilhoso e dar água na boca. A melhor forma de fazer o tempero perfeito é brincar com os aromas e sabores, ousar na experimentação, e não ter medo de inventar. Lembre-se que é preciso sair da zona de conforto e saber que às vezes não vai sair do jeito que você espera. Mas em algum momento você vai acertar. E quando isso acontecer aproveite para convidar seus amigos e familiares para comer junto. Seu prato será um sucesso e todos vão pedir a receita.

Você pode usar algumas receitas fáceis para começar a se familiarizar com os temperos. Não é preciso iniciar suas experiências culinárias com algo extremamente complexo. Liste alguns temperos para começar a usar em seus pratos. Utilize alguns que você já possui em casa e aqueles que você plantou. Algumas ervas fáceis de usar, que fazem toda a diferença no prato e que você pode ter no vaso são: alecrim, hortelã, manjericão, cebolinha e salsa.

Dicas para temperos:

  • Tente usar o alecrim em uma batata doce no forno com um fio de azeite e uma pitada de sal. Amasse alguns dentes de alho com folhas frescas de manjericão, e hortelã, junte isto com algumas colheres de iogurte desnatado, algumas gotas de laranja, um toque de azeite, sal e pimenta. Este molho rápido é muito saboroso e combina com todos os tipos de salada.
  • A salsa e a cebolinha são temperos chaves para um bom peixe. Você pode picar os dois juntos, misturar com limão, sal e colocar por cima no filé, depois é só grelhar ou assar se preferir.
  • Temperos Naturais: benefícios e propriedades
  • Limão: mil propriedades e benefícios
  • Benefícios do Própolis

Descomplique já! Veja seus próximos passos:
Vá até a feira mais próxima, escolha os alimentos mais frescos, colha seus temperos e chame todas as pessoas que você ama. Faça com que eles se deliciem com cada aroma e sabor do seu prato. No final, eles vão te perguntar como você mudou sua alimentação da água pro vinho e você vai falar “foram  apenas 4 dicas fáceis e práticas que qualquer um pode seguir para descomplicar a alimentação saudável. ”

 





Deixe um comentário

Encontre um consultório perto de você e agende agora mesmo uma consulta

Assine nossa newsletter

Cadastre seu e-mail e receba nossa newsletter com novidades sobre nutrição!